quarta-feira, 15 de julho de 2015

Os cachorros podem ajudar pacientes em hospitais

A Terapia Assistida por Animais já é realidade em vários países, e vem comprovando que os bichinhos colaboram muito, auxiliando na recuperação de pacientes. Muitos hospitais já fornecem o acesso de animais de estimação para os quartos de pacientes, porque sua presença é benéfica emocionalmente e fisicamente.

Confira essas lindas imagens:







A seguir, alguns benefícios que o contato com um animal proporciona a quem estiver hospitalizado:

- Ajuda a regular a pressão arterial, com reações químicas positivas; 
- Estimula a memória do paciente levando em conta as diversas observações relativas à vida da criança e dos animais com os quais mantém contato;
- Redução da sensação de isolamento; 
- Sentimento de segurança, socialização e motivação;
- Amor incondicional e atenção, diminuição da ansiedade, relaxamento, alegria e troca de afeto.
(segundo estudos divulgados por programas americanos, ingleses e canadenses)







Outra pesquisa mostrada pelo British Medical Journal concluiu que os cachorros agem como “catalisadores sociais”, ajudando as pessoas a saírem mais, a abordarem os outros com mais facilidade e, em geral, a reduzirem o isolamento.

Os idosos que possuem cachorros fazem, em média, uma consulta médica a menos por ano do que aqueles que não possuem. Os prováveis motivos são às vibrações positivas e bons sentimentos que os cachorros proporcionam aos seus donos idosos.





O Hospital Infantil Sabará lançou projeto inédito em hospital pediátrico em São Paulo: a visita de bichos de estimação às crianças internadas. Durante as visitas, além dos tradicionais afagos e brincadeiras, os cães estimulam a socialização das crianças.
“O animal é um amigo do homem, seja adulto ou criança, visto como um parceiro valioso, pois ele trabalha como co-terapeuta e, junto de profissionais ligados à saúde, são utilizados para incrementar o tratamento de seus pacientes”, explica Paulina Basch, coordenadora do projeto e Diretora Técnica do Hospital Infantil Sabará.




Estudos preliminares feitos pela American Heart Association, revelaram que os donos de cachorros têm menos risco de doenças cardíacas do que aqueles sem nenhum por perto. As razões apontadas, são os exercícios feitos para passear com os cachorros, além disso, a simples presença do animal ajuda o proprietário a lidar melhor com o estresse.

As mais visitadas do mês