domingo, 18 de outubro de 2015

Animal da semana - Lagarto monitor ou goanna

Nas regiões semi-desérticas australianas são encontrados alguns dos maiores lagartos do mundo, certamente, a maioria das pessoas não sabiam que existissem lagartos tão grandes.



Existem mais de 20 espécies diferentes dos chamados lagartos monitores e embora existam outras espécies na África, Europa e Ásia, nenhum outro país tem a mesma diversidade do que a Austrália.


Todos os goannas são de cores escuras (cinza, verde-oliva ou marrom) e a maioria deles tem padrões na pele como anéis, manchas ou listras. Vamos colocar apenas as imagens sem a identificação, para não haver erros de classificação nos nomes de cada espécie.








Uma característica comum nesse lagartos monitores é o pescoço que parece maior do que a cabeça, e a causa disso é uma grande pele localizada nessa região. Se esses lagartos se sentirem ameaçados, eles podem inchar essas abas para que pareçam mais perigosos.


Outra característica impressionante deles é que podem elevar-se sobre as patas traseiras. Fazem isso para observar melhor o terreno circundante, quando sentem alguma ameaça. Eles também lutam dessa forma.




Eles escavam buracos com muita facilidade e podem correr muito rápido em curtas distâncias, às vezes usando apenas as patas traseiras. Também são muito bons escaladores de árvores.



Todos os goannas tem uma língua bifurcada como as cobras. Quando colocam para fora da boca conseguem identificar em qual lado os cheiros são mais fortes. Quando percebem, eles alteram a direção para onde desejam ir.


Eles hibernam durante o período frio do ano, que é de maio a agosto. Ficam abrigados em ocos de árvores, sob árvores caídas ou grandes rochas.


O maior deles é o Perentie, que pode crescer mais de dois metros e pesar mais de 15 quilos.





Monitores de areia são a segunda maior espécie desses lagartos na Austrália, após o Perentie. 


Eles são carnívoros e aparentemente, são imunes ao veneno de cobras, até mesmo as espécies mais venenosas. 


As fêmeas põem de 6 a mais de 10 ovos, geralmente em cupinzeiros, para protegê-los do clima árido do deserto.


Você terá possibilidades de encontrar esses répteis incríveis em estado selvagem, se estiver passeando pelos grandes desertos australianos, conhecidos como Outback, aquela vasta região de terreno avermelhado, pouca vegetação, desfiladeiros rochosos e pedras soltas.
Aqui no Brasil temos o Teiú (Tupinambis merianae) que é muito parecido com esses lagartos monitores.

Nome científico: Varanus

As mais visitadas do mês