domingo, 13 de dezembro de 2015

Ave da semana - Avestruz

É a maior e mais pesada ave do mundo! 
Como fazem para se defenderem? E o ninho, como é feito? Qual o tamanho do ovo?
Conheça logo a seguir, essas e outras informações sobre o imponente avestruz!





O macho adulto é preto com as pontas das asas brancas e a fêmea é cinza, entretanto, tal diferença só aparece a partir de 1 ano e meio de idade. 
Eles alcançam uma altura de 2,5 metros e pesam até mais de 140 kg.
Apesar de não voarem, são adaptados com alguns recursos que facilitam um pouco a dura vida nas savanas onde vivem.
São equipados com pernas longas e musculosas preparadas para correrem bastante. Quando é necessário fugir de possíveis ameaças, eles podem alcançar mais de 70 km/h. As passadas podem passar de 4 metros. Mas se forem afrontados e não for possível correrem, os avestruzes usam suas pernas fortes para dar um poderoso pontapé em seu potencial agressor. 



Ao contrário de outras aves, os avestruzes têm apenas dois dedos em cada pé, com uma garra de 10 cm. O pescoço é longo e sem penas, de cor acinzentado. Em muitos momentos quando estão se alimentando o pescoço fica em forma de U.




Algumas características o fizeram ganhar o nome científico de "camelus", por causa de algumas semelhanças com esse animal. Possui uma ótima capacidade de adaptação climática, suportando bem altas e baixas temperaturas, podendo passar muito tempo sem água. Seu aparelho digestivo é semelhante ao dos ruminantes: ou seja, não possui papo. São aves com longevidade, podendo passar dos 50 anos.
Avestruzes são aves diurnas. À noite, eles descansam só em breves momentos, colocando a cabeça e parte do pescoço entre as penas das costas ou no chão.

São principalmente herbívoros, sua dieta consiste de folhas, raízes e sementes, mas, ocasionalmente, comem o que estiver disponível, como insetos e pequenos invertebrados.  Eles também tem o costume de engolir areia e seixos que os ajudam a esmagar a comida em seu estômago especializado.







Durante a época de reprodução, o macho dominante executa uma dança de acasalamento agitando suas asas e penas da cauda para cima e para baixo alternadamente. Se a fêmea se encantar pelas habilidades dele, acasalarão.


A construção do ninho é relativamente simples; o macho raspa uma cavidade rasa no chão, com mais de dois metros de diâmetro, onde serão depositados os ovos.
Por incrível que pareça o casal revesa-se na incubação. Durante o dia as fêmeas ficam deitadas e a noite é a vez dos machos cobrirem com seu grande corpo, seus futuros filhos. A plumagem facilita a camuflagem.



Os ovos de avestruz são os maiores do mundo! Medem entre 15 e 20 cm e pesam entre 1,0 a 1,5 kg. Equivalem aproximadamente a 2 dúzias de ovos de galinha! Tem uma casca tão forte que suporta uma pessoa em cima. Mas, proporcionalmente ao tamanho da fêmea do avestruz, os ovos são considerados pequenos.
A fêmea põe uma média de oito, raramente até doze ovos e são chocados por cerca de 6 semanas. Os filhotes nascem aproximadamente do tamanho de uma galinha e crescem mais de 20 cm a cada mês.



Outro fato curioso é que outras fêmeas depositam seus ovos nos arredores do ninho, chegando a ter muitos ovos em um mesmo lugar.
A fêmea que é a "dona" do ninho afasta os ovos que não são dela, rolando-os para as áreas circundantes. Os ovos que ficam nos arredores vão servir de alimento para hienas e outros animais que se aproximem, dessa forma, os ovos da fêmea principal são preservados.
Após seis semanas, os filhotes eclodem.




Logo com três dias, deixam o ninho e seguem os pais em toda parte, mas são cuidados, principalmente pelo pai. 


Nome científico: Struthio camelus

As mais visitadas do mês