domingo, 6 de março de 2016

AVE DA SEMANA - PICA-PAU

Pica-paus tem habilidades de ficarem apoiados em árvores verticais, enquanto perfuram. 
Eles não precisam usar "capacetes de segurança" ou "óculos de proteção" para protegê-los das lascas de madeira que voam em seus olhos!
Saiba como conseguem ter essa resistência física excepcional!



- A incrível capacidade de escalar e de perfurar troncos de árvores é porque são adaptados com caraterísticas físicas que os favorece na realização dessas tarefas. Enquanto que a maioria das aves têm um dedo do pé apontando para trás e três apontando para a frente, pica-paus têm dois dedos pra frente e dois atrás, que proporciona uma forte aderência nos troncos e galhos.



- A cauda tem penas duras, fortes e pontiagudas que serve como um suporte de apoio, como se fosse uma terceira perna, dando estabilidade enquanto bicam, não importa em que posição estejam. 



- Eles cavam para encontrar insetos sob as cascas e para fazer ninhos. Conseguem bicar cerca de 20 vezes por segundo. O crânio é protegido por um material como se fosse elástico e esponjoso, que atua como amortecedores, evitando que o pica-pau não sofra danos por causa das escavações em superfícies duras.



- As narinas tem penas de cerdas finas que evitam que partículas de madeira sejam inaladas. Os olhos também tem sua proteção como se fosse uma lente de contato.
A língua, por sua vez, é longa com uma substância semelhante à cola na ponta para a captura de insetos.



- Na época da reprodução, diferentemente da maioria dos outros pássaros que fazem seus ninhos de gravetos e folhas, os pica-paus cavam o ninho em um tronco. Gastam quase um mês para escavar um buraco.



- São monogâmicos. Tanto a fêmea quanto o macho trabalham em conjunto para escavar o ninho e incubar os ovos durante cerca de duas semanas. 



- Quando os filhotes nascem, um dos dois leva comida para o ninho, enquanto o outro progenitor fica com as "crianças". Com poucos dias os filhotes já começam a martelar e geralmente deixam o ninho após 25 a 30 dias.



- A maioria dos pica-paus têm algumas penas vermelhas na cabeça. 



- Eles preferem viver em árvores secas e mostram uma tendência para construir no lado da estrutura que recebe a luz do sol nascente. A cada ano eles fazem novos buracos, enquanto que os buracos antigos são utilizados por outras aves.
Numa mesma árvore pode conter vários buracos. 



- Eles são muito ativos, passando a maior parte do dia à procura de alimentos. Normalmente se fixa em metade da árvore e continua se movendo para cima, olhando cuidadosamente para encontrar insetos. Uma vez encontrados, batem a madeira violentamente para chegar até eles. Eles tem uma visão muito boa. 



- Costumam armazenar alimentos nas fendas das madeiras e sob a casca das árvores. 



- São um pouco agressivos e anti-social com outros membros de sua espécie e outras aves. 



- Segundo pesquisadores, é mais do que apenas um crânio forte que permite que os pica-paus não sofram danos na cabeça. Foi identificado mais dois fatores distintos: poderosos músculos do pescoço e a coluna vertebral flexível.



- Existem mais de 180 espécies de pica-paus em todo o mundo. Só não são encontrados na Nova Zelândia, Austrália, Madagascar e algumas ilhas oceânicas.



- O pica-pau é muito conhecido na TV por causa do desenho animado criado pelo artista Ben "Bugs" Hardaway, em 1940. 

Nome em inglês: Woodpecker
Nome científico: Picidae ssp

As mais visitadas do mês