domingo, 13 de novembro de 2016

ANIMAL DA SEMANA - Baleia azul

É a maior espécie de animal do mundo, mas também supõe-se que poderia ser a maior criatura que já existiu.
A seguir, você irá conhecer mais detalhes da majestosa gigante dos oceanos!




- A baleia azul tem uma estrutura física impressionante. O coração é tão grande quanto o tamanho de um carro pequeno. Uma criança poderia engatinhar pelas suas artérias e um adulto pela aorta. A boca de uma baleia azul adulta é equipada com uma língua tão grande quanto a massa de um elefante. 




- Chega a medir cerca de 30 metros de comprimento. O corpo é revestido com uma grossa camada de gordura que ocupa cerca de 25% de sua massa corporal. A gordura atua como uma forma de proteção, como um isolador térmico.
A garganta tem muitas dobras ou sulcos que se expandem até mais de três vezes seu tamanho normal, quando a baleia abre a boca para colher presas.



- Apesar do enorme tamanho, as baleias se alimentam basicamente de krill, uma espécie de camarão com poucos centímetros de comprimento. Após abocanharem o seu alimento, a água é então expelida, enquanto as minúsculas criaturas ficam retidas por causa de finas placas na parte inferior da boca. Durante os meses de verão, a baleia azul pode ingerir mais de 3 toneladas de krill por dia.



- A diferença mais óbvia entre as baleias e os peixes é que os peixes podem viver sob a água toda a sua vida, porque eles têm brânquias, enquanto as baleias, que são mamíferos, tem pulmões e precisam ir à superfície da água regularmente para respirar.
As baleias têm dois furos na parte superior de sua cabeça, usados para expelir o ar e a água do mar de seus pulmões quando elas sobem na superfície. Como é um mamífero, as baleias azuis necessitam fazer isso. Os jatos de água podem subir mais de 8 metros. Os pulmões são enormes, para permitir que o animal passe muito tempo sob a água.


- Estes animais usam uma variedade de sons e tem uma audição aprimorada que permite a comunicação de longa distância entre outras baleias. Os ruídos que fazem são incrivelmente altos, tendo sido gravados volumes maiores que 180 decibéis, sendo mais altos do que os motores de jato. É o animal que produz o som mais alto de qualquer criatura no planeta, contudo, os seres humanos não podem ouvi-lo por causa de suas baixas frequências. 


- A baleia azul tem barbatanas muito pequenas em comparação ao tamanho, então depende de sua cauda enorme para ajudá-la a impulsionar-se através do oceano. Ao contrário dos peixes, que balançam suas caudas de um lado ao outro, as baleias movem seu "leque" para cima e para baixo, devido ao fato de que as espinhas da baleia azul pode dobrar verticalmente, mas não muito horizontalmente. Apesar de ser grande, consegue nadar muito rápido.


- Esses gigantes gentis são animais solitários, com exceção de fêmeas com seus jovens.
A maior parte da atividade reprodutiva, incluindo nascimentos e acasalamentos, ocorrem durante o inverno. Filhotes de baleias são chamados de bezerros. O período de gestação dura quase um ano. As baleias azuis recém-nascidas já medem sete metros de comprimento e pesam cerca de 2,5 toneladas. Os bezerros passam cerca de oito meses ao lado da mãe. Nesse período, consomem mais de 150 litros de leite todos os dias, ganhando dezenas de quilos de peso diariamente. Os filhotes das baleias azuis não mamam em tetas, eles simplesmente sugam o leite na superfície da pele. O leite não se mistura com a água por ser muito consistente.


- Esse imponente mamífero marinho é encontrado em todo o mundo. A expectativa de vida da baleia azul é de mais de 70 anos. Felizmente desde a década de 1970 elas são legalmente protegidas de serem caçadas como foram no passado.
Há três subespécies reconhecidas:
Baleia Azul do Hemisfério Norte - Balaenoptera musculus musculus
Baleia Azul Pigmeia - Balaenoptera musculus brevicauda
Baleia Azul da Antártida - Balaenoptera musculus intermedia
As baleias azuis do hemisfério norte são geralmente menores do que as do hemisfério sul.

Nome em inglês: Whale Blue 
Nome científico: Balaenoptera musculus

As mais visitadas do mês